PROGRAMAÇÃO

Curso
PATRIMÔNIO CULTURAL URBANO, "DE PERTO E DE DENTRO"
Com José Guilherme C. Magnani e Enrico Spaggiari

PATRIMÔNIO CULTURAL URBANO, "DE PERTO E DE DENTRO": Uma aproximação etnográfica 

Terças-feiras, 6, 13, 20 e 27 de outubro, das 19h às 21h

 

A atividade será desenvolvida na plataforma Google Hangouts Meet.

O link será enviado aos inscritos por e-mail*. 


No curso, dedicado aos interessados em patrimônio, memória e gestão cultural, José Guilherme Magnani, antropólogo e professor da USP, e Enrico Spaggiari, antropólogo e pesquisador do LabNAU-USP, oferecem um panorama das contribuições específicas da antropologia para o debate relacionado ao patrimônio cultural urbano.

 

Cronograma das atividades:

 

06/10 – Antropologia Urbana: cidades, escolas e autores:

Introdução aos diferentes enfoques sobre a cidade e às formas como foi constituída enquanto objeto de análise a partir de um panorama geral da Antropologia Urbana clássica e contemporâneas.


13/10 – A cidade, de perto e dentro: o método etnográfico e a família de categorias:

Discussão sobre a especificidade do método etnográfico e a delimitação de categorias de análise: pedaço, manchas, trajetos, pórticos e circuitos.

Convidado: Yuri Bassichetto Tambucci


20/10 – Da metrópole à aldeia: pesquisas do LabNAU (USP):

Relatos de algumas pesquisas sobre a cidade com diversos temas e recortes, realizadas dentro do Núcleo de Antropologia Urbana da USP (NAU).

Convidado: Rodrigo Valentim Chiquetto


27/10 – A cidade como laboratório: experimentos e desafios metodológicos:

Discussão sobre as novas abordagens etnográficas desenvolvidas em pesquisas vinculadas ao NAU-USP e à Argonautas – Pesquisa Etnográfica.

Convidada: Mariana Hangai


Enrico Spaggiari é graduado em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (2006). Mestre e doutor em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (com bolsas FAPESP). Membro do GEAC-USP (Grupo de Estudos de Antropologia da Cidade-USP), do LabNAU-USP (Laboratório do Núcleo de Antropologia Urbana da USP) e do LUDENS-USP (Núcleo Interdisciplinar de Estudos Sobre Futebol e Modalidades Lúdicas). É um dos editores do site Ludopédio (www.ludopedio.com.br). Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Urbana e Antropologia do Esporte, atuando principalmente nos seguintes temas: esporte, juventude, futebol, periferias, cidade, lazer, método etnográfico e novas perspectivas metodológicas.


José Guilherme Cantor Magnani é Professor Titular do Departamento de Antropologia da FFLCH da USP, pesquisador nível 1-B (CNPQ). É mestre em Sociologia pela Facultad Latinoamericana de Ciencias Sociales (FLACSO/CHILE), concluiu o doutorado em Ciências Humanas (Antropologia Social) pela Universidade de São Paulo em 1982, defendeu tese de Livre-Docência em 2010 e de Titular em 2012 nessa Universidade. Recebeu o prêmio ERICO VANUCCI MENDES CNPQ - SBPC , 1989 e MÉRITO DE HUMANIDADES, em comemoração aos 80 anos do Setor de Ciências Humanas (SCH) da UFPR - Curitiba, 2018. Atua na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Urbana. É coordenador do Laboratório do Núcleo de Antropologia Urbana da USP (Lab/NAU/USP - http://www.nau.fflch.usp.br), de sua revista eletrônica PONTO.URBE (http://www.pontourbe.revues.org) e da coleção "Antropologia Hoje" Nau/Editora Terceiro Nome e Grama.


Mariana Hangai é graduada em Ciências Sociais (2012) pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH-USP). Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia Urbana. Atua como pesquisadora de campo autônoma, com experiências em pesquisas etnográficas relacionadas às temáticas de lazer e práticas de sociabilidade, práticas culturais em contexto urbano, geração, identidades, educação e consumo. Prestou serviços de consultoria, treinamento e pesquisa em instituições como o Centro de Pesquisa e Formação (CPF - Sesc-SP), a Escola de Educação Física (EEF-USP), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU-USP).


Rodrigo Valentim Chiquetto é graduado em Ciências Sociais e mestre em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo. Foi bolsista pela Pró-Reitoria de Graduação da USP (Iniciação Científica) em 2008 e 2009, bolsista pela FAPESP (Iniciação Científica) em 2010 e foi bolsista pelo CNPq (Mestrado) de 2012 a 2014, sempre vinculado ao Laboratório do Núcleo de Antropologia Urbana (LabNAU/USP), sob a orientação do Prof. Dr. José Guilherme Cantor Magnani. Participou da pesquisa "EtnOcupação", sobre a Ocupação da Reitoria da USP, realizada em 2007 e 2008. Desde 2009 frequenta o Grupo de Etnologia Urbana do LabNAU, que desenvolve estudos sobre as populações indígenas residentes nas cidades amazônicas. Em 2009 e 2010 estudou a prática do futebol entre os índios citadinos.


Yuri Bassichetto Tambucci é cientista social e mestre em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo (USP). Pesquisador associado do Laboratório do Núcleo de Antropologia Urbana (LabNAU-USP) e sócio da Argonautas - Pesquisa Etnográfica, possui experiências em pesquisas etnográficas com enfoques relacionados à Antropologia Urbana, como lazer e práticas de sociabilidade, mobilidade, cultura, movimento estudantil e esporte. Trabalhou como consultor em pesquisas e foi professor em cursos que buscaram associar os conhecimentos da antropologia e o método etnográfico a outras áreas do conhecimento, como Arquitetura, Urbanismo, Educação Física, Educação e Geografia.


*Haverá emissão de certificado ao aluno que obtiver 75% de frequência na atividade.

*Esta atividade poderá contar como crédito de horas para o Programa Formativo "Patrimônio, Memória e Gestão Cultural".

*Inscrições encerradas.


Fotos: Thomas Hobbs/ Nico Borges